Como Aumentar o Desempenho do Microfone Em Uma Emissora De Radio

Melhorando o Som do Microfone – No Ar.

 

O que faz o som da voz do locutor de uma rádio ter um som limpo e cristalino no ar?

 

Vamos responder a estas duvidas de uma forma simples.

 

Muitas emissoras tem o som da voz do locutor no ar com excesso de graves e com uma tendência para um som explosivo como se fosse um trovão.

 

Este tipo de som é agradável para os locutores, porém desagradável para os ouvintes.

 

Pergunta: Existe algum padrão para ajustar o microfone para voz?

Resposta: Não! Porém o som do microfone deve ser o mais claro possível e com inteligibilidade, levando em conta que cada pessoa vai ouvir em um tipo de rádio e em condições diferentes, é certo que não se pode agradar a Gregos e Troianos, porem a emissora de rádio deve brindar os ouvintes com a melhor qualidade possível, o que não é difícil seguindo certas regras.

 

Em primeiro lugar a qualidade do estúdio do ar é muito importante, porém nem todas as emissoras tem o princípio de fazer uma análise da acústica do estúdio, acham que colando um monte de Sonex ou outros abafadores irá resolver o problema. Isto é um engano! O som tem muitos tentáculos, porém não vou entrar nesta área. O foco aqui é qualidade do som que vai ao ar, que começa com o microfone.

 

Tópicos Principais:

          1 - Verifique os anos de uso do microfone, pois as capsulas envelhecem e deixam de responder adequadamente ao timbre de voz. Hoje existe no mercado uma infinidade de bons microfones para voz. Lembrando que tamanho não é documento.

          2 - Procure usar um microfone Cardioide Dinâmico de boa marca, muitas emissoras de rádio usam microfones a condensador como o modelo da Behringer C-1. Estes microfones não são apropriados para o estúdio do ar devido a sua alta sensibilidade. Todos os ruídos de fundo irão ao ar junto com a voz do locutor.

          3 -  Regra Simples: Instrua o locutor que normalmente acha que sabe de tudo a falar no microfone do ar a uma distância aproximada de 16 centímetros isto faz muita diferença. Pois quanto mais perto do microfone se falar, mais grave será o som perdendo muita dinâmica.

 

          4 - Instrua o locutor a posicionar o microfone de uma forma diagonal, para que o fluxo de ar que sai da boca não atinja a capsula do microfone diretamente de frente pois fazendo isto aumenta a inteligibilidade das palavras e também evita os efeitos de sons explosivos que chamamos de POP’S. Veja a figura abaixo.

          5 - Não use equalização na voz do locutor é importante manter o timbre natural da voz. Que no ar é a assinatura do locutor. Se o locutor não tem boa voz não existe equalização que dê jeito.

 

          6 - Hoje todas as rádios usam automação para o playlist do ar, portanto evite posicionar os monitores de tela plana muito perto do microfone do ar para evitar o efeito de reflexão do som que pode mudar até mudar a fase do microfone.

 

          7 - Outro vilão que interfere no som do microfone do ar é o computador (CPU) da automação que normalmente possui sistema de exaustão barulhento que acaba indo ao ar junto com a voz do locutor. Procure isolar o local onde está instalado a CPU com isopor ou manta de lã de rocha, porem o ideal é usar uma ventoinha de boa qualidade e baixo ruído, fácil de encontrar no comercio. Hoje os estúdios estão cada vez menores e o ruído provocado por estas CPU’s interferem bastante na qualidade do áudio do que vai ao ar. Principalmente se estiverem muito perto dos microfones.

 

MITO DO MICROFONE ELECTRO VOICE RE 20

 

Vou falar do microfone Electro Voice RE 20 que é microfone padrão em muitas emissoras de rádios aqui no Brasil. Este microfone na minha opinião tem um som quente (warm) porem meio cavernoso com pouca transparência. Muitos gostam! Particularmente eu não. Ele possui um botão (switch) na parte traseira para que se ajuste o (low-end bass), este ajuste permite mudar a curva de frequências para plana (flat) que produz um som mais linear, a segunda posição (low-end bass) se produz um som mais grave. É um excelente microfone que está presente no mercado por muitos anos, sendo o preferido de muitos locutores por ter o recurso do low-end bass, que deixa o timbre de a voz mais grave e dominante, porem como eu disse menos transparente e com menor inteligibilidade. Lembre-se que som grave não é sinônimo de qualidade no ar. Lembrando novamente que tamanho não é qualidade.

Se você tem dúvida ou alguma pergunta que gostaria de fazer escreva-nos será um prazer responder!

 

Artigo escrito por: Jorge Faria

Consultor de Broadcast da Audiotx e Stereotool FM

www.stereotool.com.br

www.audiotx.com.br

 

 

Contato 

Audiotx 

Rua Porto Alegre, 263 Cabo Frio, RJ

Telefone: (22) 2648 - 9818 
Celular: (22) 99885 - 6062 (Vivo)

Celular: (22) 98102 - 7853 (Tim)

© Copyright Stereo Tool  2016.  Stereo Tool  Exclusivo