Consoles Analógico Versus Consoles por IP

O primeiro aspecto a ser analisado é a realidade da emissora e sua real necessidade!

 

Realmente a emissora necessita de um Console AoIP?

A emissora possui mais de um estúdio para ser interligado em rede por IP?

Está preparada para o investimento de um console por IP de boa qualidade?

Existe manutenção e suporte técnico no Brasil?

Um console por AoIP exige investimentos adicionais?

 

Essas são algumas perguntas que deverão ser questionadas pela emissora de rádio antes da aquisição de um console AoIP (áudio sobre IP).

 

O IP, em linhas gerais, é um código numérico atribuído a cada dispositivo conectado em uma rede. Como esse número é único para cada aparelho, ele pode ser encarado como um endereço desse equipamento.

 

Considerações:

A função básica de um console de áudios é poder controlar múltiplos microfones juntos e periféricos

Uma vez que os microfones são inerentemente analógicos e o usuário final provavelmente receberá o conteúdo do programa de forma analógica (por exemplo, rádio AM ou FM) pode se argumentar que não haverá vantagens funcional em converter tudo em formato digital no console e depois ter de reconverter novamente em analógico antes da transmissão de FM ou AM.

 

As grandes empresas do segmento não irão parar de fabricar consoles analógicos! Todas se posicionaram dizendo que enquanto houver fontes analógicas continuarão fabricando consoles analógicos.

Realidade:

Existem muitas situações em que o Console analógico é mais apropriado do que o console por AoIP, sendo o maior benéfico do console analógico são a confiabilidade e valor. Se não houver necessidade de plataformas baseada em IP não se justifica ou seu uso, salientando que um console analógico tem uma qualidade sônica melhor do que os consoles AoIP, pois estes consoles por IP perdem qualidade no processo de transmissão. Um outro aspecto é a latência que existe, desvantagem permanente nos consoles por AoIP. Na minha analise identifiquei que o maior problema dos consoles AoIP é complexidade que a virtualização e o transporte de IP oferecem, se algo der errado é um problema para ser corrigido muitas vezes tirando a emissora do ar. Outro efeito negativo e a falta de padronização, uma mesa de um fabricante não se comunica com um outro fabricante obrigando a emissora de rádio ficar à mercê de um mesmo fabricante. Em muitas instalações o áudio por IP tem que ser convertido em analógico ou AES3 para conectar a grande maioria dos equipamentos habilitados para IP.

 

Conclusão:

A utilização da tecnologia de AoIP (áudio sobre IP) se propõe a resolver os problemas de áudio que faz parte do mundo analógico como ruídos, zumbido, loops de terra e interferência de RF, porem em uma boa montagem estes problemas não devem existir.

 

A "desvantagem" para a tecnologia AoIP é que existem novas técnicas para se aprendidas e como qualquer tecnologia nova, demora para se consolidar. Os fabricantes ainda estão discutindo entre si qual o melhor padrão comum para usarem! Dante, Ravenna, AES67, Livewire, WheatNet. Muitas surpresas ainda irão acontecer neste horizonte. Os técnicos e engenheiros terão que aprender os fundamentos de redes sobre IP pois como eu disse anteriormente a tecnologia sobre IP oferece muitas funcionalidades porem com maior complexidade.

 

O futuro:

Sem dúvida acredito que os consoles AoIP serão o futuro, porém ainda não é uma realidade para a maioria das emissoras de rádio do Brasil. Acredito que o futuro dos consoles AoIP serão serem controlados por softwares/touch screen com um tremendo poder de processamento, graças a evolução vertiginosa de processadores. A tecnologia está renovando constantemente; a Intel e AMD tem trabalhado para desenvolver microprocessadores cada vez mais rápidos e poderosos.

Se você tem dúvida ou alguma pergunta que gostaria de fazer escreva-nos será um prazer responder!

 

Artigo escrito por: Jorge Faria

Consultor de Broadcast da Audiotx e Stereotool FM

www.stereotool.com.br

www.audiotx.com.br

 

 

Contato 

Audiotx 

Rua Porto Alegre, 263 Cabo Frio, RJ

Telefone: (22) 2648 - 9818 
Celular: (22) 99885 - 6062 (Vivo)

Celular: (22) 98102 - 7853 (Tim)

© Copyright Stereo Tool  2016.  Stereo Tool  Exclusivo